Semarh atua em parceria com o Centro de Monitoramento Ambiental e Manejo do Fogo no monitoramento de incêndios no Estado

Com o objetivo de realizar o acompanhamento de áreas queimadas no Estado do Tocantins e adotar medidas de prevenção e combate a incêndios, a Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh) trabalha em parceria com o Centro de Monitoramento Ambiental e Manejo do Fogo (Cemaf). 

A identificação de áreas de rodovias que apresentaram frequência de queimadas nas regiões Norte, Sul e Centro do Estado nos últimos 5 anos foi realizada recentemente pelo Cemaf. Até o momento já foi possível identificar aproximadamente 2 mil propriedades que tiveram cicatrizes de queimadas nos municípios do Estado.

Com base nessas informações a Semarh vai atuar de forma mais precisa promovendo a queima controlado de uma faixa de terra em volta de uma unidade de conservação (aceiro negro) a fim de evitar novos focos de incêndios no local.

Os dados obtidos anteriormente referente a cicatrizes de queimadas serão cruzados com os dados do Cadastro Ambiental Rural (CAR) fornecidos pela secretaria para identificação do proprietário da área rural.
Por meio do acordo de cooperação técnica, a Semarh pode trabalhar nas áreas de maior incidência a fim de promover a diminuição das queimadas no Estado do Tocantins.

O órgão também vai auxiliar na execução prática do trabalho fornecendo suporte com equipamentos, veículos e colaboradores.
O secretário do Meio Ambiente, Renato Jayme destacou a importância dessa parceria entre as instituições. “O objetivo é um só, reduzir os índices de queimadas no nosso Estado.  Através dessa parceria entre a Semarh e o Cemaf vamos ter a possibilidade de fornecer as informações necessárias através do CAR para a viabilidade dos trabalhos de identificação das áreas e prevenção dos incêndios”.

As checagens de informações também contarão com as análises feitas junto ao Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) sobre a permissão das queimadas através do Manejo Integrado do Fogo (MIF). Caso o proprietário não tenha a autorização fornecida pelo órgão responsável, será emitida uma notificação para o dono da área onde a queimada foi identificada. Nos casos reincidentes que forem identificados serão emitidas novas notificações ou analisadas as aplicações de multas.

Segundo supervisor administrativo da Semarh, Luis Paulo “o monitoramento vai auxiliar os trabalhos de prevenção nas zonas mais críticas onde mais queimam, e com isso buscaremos reduzir ao máximo as queimadas aqui no estado”.

Outro mecanismo que será utilizado para orientar a população sobre as queimadas são os boletins diários. Eles irão mostrar as variáveis de umidade, velocidade do vento e dias sem chuvas nas regiões norte, sul e centro do Estado. Com essas informações será possível classificar como alto e moderado o risco de queima na região.

Os informativos serão divulgados através das redes sociais e site da Semarh, lista de transmissão do aplicativo whatsapp para extensionistas locais sendo eles: técnicos do Ruraltins, chefes de brigadas, brigadistas, secretários de meio ambiente e agricultura municipais, guias locais, agentes de saúde, associações de pequenos agricultores e ainda para imprensa e rádios locais.

CeMAF

O Centro de Monitoramento Ambiental e Manejo do Fogo (CEMAF) atua desde 2016 desenvolvendo trabalhos técnicos científicos para suprir demandas na área de monitoramento ambiental. Uma parceria firmada entre a Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh) e a Universidade Federal do Tocantins (UFT), campus de Gurupi possibilitou a implantação do CEMAF.

As informações fornecidas pelo Centro de Monitoramento possibilitam a delimitação efetiva das áreas onde ocorrem incêndios florestais e queimadas do estado do Tocantins. Desde a sua implantação, o CEMAF já desenvolveu diversos planos de prevenção e combate a incêndios orientando os municípios, além de realizar o mapeamento das áreas degradadas pelas queimadas. Isso gera um avanço para o Estado, que conta com um cálculo mais realista das situações de cada município.

Fonte: SEMARH – 21/05/2020 – Robson Corrêa/Governo do Tocantins

https://semarh.to.gov.br/noticia/2020/5/21/semarh-atua-em-parceria-com-o-centro-de-monitoramento-ambiental-e-manejo-do-fogo-no-monitoramento-de-incendios-no-estado/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *